Green Ronin e a 4a Edição – Nota Oficial traduzida

A Green Ronin é uma das empresas americanas que mais apoiaram a licensa aberta da Wizards of the Coast, dona do RPG Dungeons ans Dragons. Porém agora, com a nova licensa e novos termos da WotC, a Green Ronin lança uma nota oficial sobre sua opinião quanto à 4º Edição de D&D. Vamos ver o que a empresa diz, sobre o assunto.

*     *     *     *     *

“Eu sei que um bocado de fãs andaram esperando para descobrir se a Green Ronin iria aderir à 4a. Edição de Dungeons & Dragons, e esta é uma pergunta válida. O segundo produto editado pela Green Ronin na vida foi Morte em Porto Livre*, uma aventura para a 3a. Edição que foi lançada no mesmo dia que o Livro do Jogador, 8 anos atrás. Nós então fizemos um bocado de apoio à 3E, terminando alguns meses atrás com o d20 Freeport Companion. Agora a Wizards of the Coast está terminando com a licença d20 e oferecendo uma forma diferente de apoiar a nova edição de D&D. Ela é chamada de Game System License, e nós esperamos de agosto do ano passado até junho deste ano para vê-la. Nós passamos as últimas semanas revisando e discutindo a licença entre nós, e chegamos a um consenso.

A Green Ronin não assinará a Game System License (GSL) por hora.

Nós planjeamos fazer um produto em apoio à 4E: o Green Ronin Character Record Folio. Ele será uma atualização da d20 System Character Record Folio e nós publicaremos isto sob a Open Game License (OGL).

Além disto, nós apenas daremos toda a nossa atenção às nossas próprias linha de jogos: Mutantes e Malfeitores*, A Song of Ice and Fire Roleplaying, True20 Adventure Roleplaying e Freeport: The City of Adventure (Porto Livre: A Cidade da Aventura.

Nós esperávamos incluir apoio à 4E em nossos planos, mas os termos da GSL são por demais favoráveis a um dos lados da barganha. Nós, certamente, não culpamos a Wizards of the Coast por querer defender sua propriedade intelectual e tomar mais controle sobre o tipo de produtos de suporte que o D&D recebe. Entretanto, nós não sentimos que esta licença trata editores outros como parceiros estimados. Sob seus termos, a WotC poderia frivolamente abrir processos legais por supostas violações da GSL, perder o caso na corte, e ainda arruinar a companhia vitoriosa porque a licença especifica que o signatário tem que pagar as custas do processo. Ainda, a GSL pode ser mudada a qualquer hora e a WotC não é requerida ao fazê-lo informar previamente seus licenciados.

Deixe-me esclarecer que, ao declarar isto, eu não acho que quem estiver em cargo na WotC atualmente está apenas esperando para atacar companhias com frívolos processos legais. Uma vez que você assine a GSL, entretanto, você se expõe a isto em qualquer momento no futuro. Quem pode saber que tipo de gente poderia assumir a marca do D&D e quem pode saber que tipo de visão eles terão? Quem saberá quando os ventos políticos dentro da WotC irão novamente mudar e as coisas ficarem ainda mais restritivas? Nós não queremos trabalhar com tais nuvens à frente, e é por isso que nós não estaremos assinando a GSL.

Isto significa que o Green Ronin Character Record Folio é o único produto compatível com a 4E que vocês verão publicados por nós neste ano e provavelmente em 2009 também. Talvez a WotC irá rever a GSL de maneira positiva, mas nós não podemos construir nosso negócio em cima de premissas. Nós sabemos que isto poderá desapontar nossos fãs que abraçaram a 4E e nós nos desculpamos por isso. Nós temos que tomar a melhor decisão de negócios para o futuro da Green Ronin e neste exato momento esta é a melhor decisão.

Obrigado por seu contínuo apoio.

Chris Pramas
Presidente
Green Ronin Publishing

* (N. do T.) Material atualmente traduzido e editado no Brasil pela Jambô Editora.”

*     *     *     *     *

Pelo que podemos ver, a atualização da licensa por parte da WotC parece ter aberto um precedente para que as empresas que possuem material para a versão 3.5 do jogo, não apóiem sua mais recente versão. Como já era previsto, se comparado à Microsoft, com seus sistemas operacionais.

Ou alguém aí não se lembra da resistência do Windows 98 em frente ao seu sucessor Windows XP? E o mesmo acontece agora com o Windows XP e seu sucessor Windows Vista.

Alguém achou mesmo que as empresas iam aceitar os termos da WotC, sem barganhar com a licensa aberta que a própria WotC lançou há 8 anos atrás?

Créditos pela notícia e pela nota do site REDERPG, no link a seguir:

http://www.rederpg.com.br/portal/modules/news/article.php?storyid=5562

Anúncios

O que achou desse post?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s