Adversário para os jogadores…

Bem, depois de uma breve pausa, volto aqui para falar de um assunto que pode ajudar a alguns mestres, assim como pode ser um assunto batido para outros.

O que e um ADVERSÁRIO?

É um jogador que atua como os inimigos que aparecerão durante a aventura, liberando o mestre para que ocupe o seu tempo com outras coisas.

Ainda não tive a oportunidade de usar um adversário nas mesas onde mestrei, mas defendo a idéia de que esse jogador pode ser uma peça muito importante em qualquer uma delas. Para os mais variados tipos de mestres de RPG ele sempre será uma ferramenta muit útil.

Mesmo que o mestre tenha controle sobre os personagens, sempre há a chance de, atrás do screen, ele mudar uma jogada ou ajudar algum jogador [ou até mesmo o grupo inteiro]. Com o adversário isso raramente acontece. Claro que eu falo de combates, pois é neles que o adversário pode funcionar com maior perfeição. Um inimigo do grupo de combatentes não está lá para ser bonzinho, ele quer ver os invasores mortos ou, no mínimo, presos e os jogadores que foram até lá, sabem o risco que correm. Então que desculpa um mestre poderia usar para “roubar” nas jogadas?

Deixe que os jogadores sintam as complicações da vida de aventureiros. Um adversário pode ter a crueldade que o mestre não quer ter, por gostar dos personagens, por não querer terminar a aventura mais cedo, por ter um personagem que pertence à sua namorada, por uma infinidade de motivos.

Lembro-me de certa vez que mestrei usando uma adaptação de Resident Evil [não sou fã da série, foi uma coisa rápida] e um dos jogadores acerto o olho do nêmesis nas primeiras rodadas. Eu, como mestre, fiquei meio que sem ação, mas creio que, se tivesse um adversário ao meu lado, ele teria atirado com seu lança mísseis em qualquer lugar da sala ou feito algo que pudesse prejudicar os seus inimigos de qualquer maneira. Não que eu não pudesse ter feito isso na hora, mas pensei nisso depois de terminada a aventura.

Então fica a dica. Experimente usar um adversário na sua próxima mesa e veja os benefícios de não ter que se preocupar com a maldade do seu vilão.

Anúncios

O que achou desse post?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s